sábado, 17 de março de 2012

ULTIMO VOLUME RADIO SHOW - AUTOMATIC PEOPLE




         O que eu acho legal no som do Automatic People é a sua serenidade, a não pressa em desenvolver seu trabalho, não entenda como falta de compromisso ou não estar nem aí, mas sim o cuidado, o esmero em construir canções que na primeira audição nos transportam para uma certa letargia, de novo, não de acomodação, mas de aguçar os sentidos e parar um pouco para ouví-los. A simplicidade pop em acordes agradáveis, a vocalização serena e suave, a modernidade retrô e as influências diversas que passam por algo lá nos anos 80 ou 90 de um Mazzy Star, My Bloody Valentine ou Broken Social Scene aos modernismos de um Metronomy, Casiotone for the Painfully alone ou Minks nos fazem sentir o quanto é importante para a música independente a existência de projetos como este. Vá lá no Bandcamp da banda e baixe o EP.


Um comentário:

NERI DA ROSA disse...

vc tava com a macaca quando fez este setlist....