domingo, 7 de novembro de 2010

MARK HOLLIS mark hollis (1998) TALK TALK spirit of Eden (1988)

            Mark Hollis, Londres,  foi fundador do Talk Talk, grupo enquadrado no movimento New Romantics nos anos 80 e que, enquanto a maioria dos grupos procuravam ter um melhor penteado, se acabar na cocaína ou detonar seu som com a maior quantidade de teclados e sintetizadores possíveis, o Talk Talk gradativamente foi mudando seu som, curtindo, ou melhor, sendo curtido com o passar do tempo, fugindo do new wave e eletizando seu trabalho com nuances de  jazz e folk num crescendo em qualidade e perfeição.  Mark hollis é um daqueles pequenos gênios da música pop, perfeccionista, excêntrico, deve ser reconhecido como um Brian Wilson ou Kevin Shields, claro, mais introspectivo, contemplativo. A música de Mark Hollis é pra ser sentida, adimirada com o tempo ao seu favor, sem presa. 

               Quando da ruptura do Talk Talk, demorou muito tempo para este álbum solo aparecer,em 1998, sete anos após o fim,  o cuidado com a produção, exagerada, desde o último álbum com o Talk Talk "Spirit of Eden" percebe-se isso, o silêncio, teclados num ambiente fechado, texturas acústicas, notas arrastadas com instrumentações inusitadas, algo difícil de assimilar, mas depois de entendido, descobre-se tratar-se de um grande álbum.

Depois deste trabalho, e alguns shows, não se ouviu falar mais de Mark Hollis, na verdade, a EMI estava na bronca com a banda querendo ganhar dinheiro com canções nas paradas como It´s My Life ou I don´t believe in you,  rolou processos de ambas as partes, e o músico não sacrificou sua ambição musical preferindo se retirar da música, foi a tentativa de manter o controle criativo sem interferências. Em 2004 Mark Hollis apareceu para ganhar um prêmio por "It´s My Life" da Broadcast Music Inc. inglesa, e participou levemente no trabalho de Anja Garbarek em 2001, depois disso, não se ouviu falar mais nada sobre este músico notável. 


Um comentário:

Paula C. C. Pessoa Bernardi disse...

Muito legal teu post!
Estava pesquisando sobre a pergunta que não quer calar 'onde foi parar um gênio como Mark Hollis' e encontrei teu blog.